Embora nos dias de hoje não seja mais considerado um grande problema social estar separada, a verdade é que quando uma mulher ama realmente e se encontra nessa situação, sem dúvida recorrerá a todas as dicas para evitar a separação no seu casamento. E quando o casamento entra em crise, vale de tudo para retomar aquela chama que os uniu não é? A paixão da época de namorados, a cumplicidade dos primeiros anos de casamento… Tudo isso precisa ser resgatado já!

Quando uma mulher escolhe um homem para ter um relacionamento sério é normal que ela imagine que ele também seja duradouro. Porém, para enfrentar todos os possíveis problemas que a relação a dois acarreta, é preciso estar sempre renovando para que o namoro ou o casamento não se torne um completo tédio e seja sugado pelo cotidiano.

Se você está passando por uma crise e acha que a sua relação está próxima do fim, confira nossas dicas para evitar a separação. Mas até mesmo se você estiver em pleno clima de lua de mel vale à pena conferir as sugestões para tornar o casamento ainda melhor e mais feliz . Isso porque quanto antes elas forem colocadas em prática menores são as chances de você ter que se preocupar em recuperar o casamento no futuro, quando a vida a dois não for mais novidade para ambos.

CONFIRA NOSSAS DICAS

1. Sair da rotina: essa é a dica básica para que você nunca tenha que se preocupar com uma possível separação. Não importa se vocês se amam enlouquecidamente, acham que foram feitos um para o outro e estão cheios de planos, a verdade é que a rotina pode engolir qualquer relação e transformar a vida a dois no maior tédio do mundo.

7 erros
Isso é ainda mais verdade se vocês são do tipo que vivem fazendo atividades diferentes, estudam, trabalham e ainda encontram tempo para se dedicar a outras funções, atividade física, família, amigos e não dispensam uma balada no final de semana. Por mais que um relacionamento sério implique na diminuição da vida social tanto do homem quanto da mulher, vocês não podem simplesmente deixar tudo o que gostam para trás.

É preciso marcar aquele jantar romântico uma vez por semana, ir ao motel a cada dois meses, sair para festas e baladas com os amigos, fazer um happy hour no fim do dia para relaxar, ir ao cinema, etc. É necessário dar seguimento às demais atividades que sempre deram prazer ao casal quando estavam no início da relação ou mesmo quando ainda estavam solteiros.

2. Ter vida própria: nem tudo o que um gosta de fazer o outro gosta também, mas isso não significa que vocês devem deixar de fazer o que sempre os motivaram. O parceiro pode começar a gostar de acompanhá-la em uma de suas atividades, ou vice-versa. No entanto, se isso não ocorrer, não abandone o seu curso de inglês, as suas corridas matinais, a ida a exposições de artes e mesmo o encontro periódico com as amigas.

O mesmo vale para ele, não exija que o seu gato deixe de ver os seus amigos ou que pare de jogar futebol com os colegas uma vez por semana, ou mesmo, que vá ao campo de futebol ver o seu time favorito. Prender o cara não é nada saudável para a relação e você mesma não pode se prender tanto a ele, deve viver a sua própria vida. Uma relação séria, namoro ou casamento, não é viver grudados como carrapatos, mas sim, desfrutar alguns momentos juntos.

3. Como se fosse a primeira vez: outro ponto que você não pode deixar de lado é o sexo, que deve ser apimentado sempre e não apenas nos primeiros meses que vocês estiverem juntos. Mas isso não deve ser feito apenas para amarrar o cara, mas sim, para que você mesma seja feliz e completa em todos os aspectos de sua vida. Existem mulheres e homens que deixam de colocar energia na relação com o passar do tempo, porque acreditam que a conquista já foi realizada e, agora, basta seguir adiante.

Porém, as relações duradouras e felizes são aquelas em que ambos continuam a usar o jogo da sedução para se manterem conectados e atraídos cada vez mais. Mesmo depois que a intimidade entre vocês não for mais um mistério, não deixe de comprar de vez em quando um lingerie sexy, propor brincadeiras e joguinhos para esquentar a relação sexual.

Agora que você conhece o gato melhor do que nunca, sabe do que ele gosta e vice-versa é preciso aproveitar para deixar o relacionamento sempre em alta. Acredite, as chances de errar são mínimas.

O QUE EVITAR PARA NÃO SE SEPARAR

Além de evitar que a relação caia na rotina, que vocês vivam grudados e não consigam respirar e que o sexo perca o seu fervor, é preciso, ainda, evitar alguns comportamentos. Existem atitudes que podem colocar qualquer relação à beira do abismo. Ciúmes, possessão e mentiras são palavras que você deve excluir do seu dicionário, pois não é agora que você está numa relação séria que pode dar espaço a elas.